Masturbação: É verdade que ela emagrece?

Embora seja encarada como prática restrita só aos adolescentes, é muito comum homens de todas as idades se masturbarem, inclusive homens da terceira idade.

25/02/2009 23h40

A masturbação é uma forma de satisfação sexual. Após a primeira experiência, ela é repetida com maior frequência dependendo da necessidade de cada um em aliviar a tensão e o tesão reprimido, ou por falta de uma companheira, ou por ainda não ter tido uma relação sexual plena, mas já sonha com isso. Embora seja encarada como prática restrita só aos adolescentes, é muito comum homens de todas as idades se masturbarem, inclusive homens da terceira idade.

O mito de que a masturbação em excesso emagrece não é verdade, pois a repetição frequente do orgasmo não faz perder tantas calorias assim e nem debilita o organismo. O emagrecimento referido é consequência da ação dos hormônios masculinos que, na adolescência, estão a todo vapor e, por serem anabolizantes, queimam a gordura e aumenta a massa muscular. Isso sim leva a uma perda de peso, a um aumento da musculatura e estatura.

Por outro lado, a prática masturbatória em excesso deve ser considerada um desvio da linha normal psicológica, podendo representar um quadro de angústia, uma parafilia, ou uma exacerbação sexual, que deve ser investigada, pois com certeza este indivíduo deve estar sofrendo isolamento emocional, conflitos sexuais e de relacionamento.

Vale lembrar que para se masturbar, além de vídeos ou revistas, as fantasias ou desejos sexuais são o combustível para uma boa ereção e para se atingir o orgasmo. Após a ejaculação, o momento deve trazer a saciedade e a paz interior.

Fonte: IG

Uma janela foi aberta com a versão para impressão
Caso não tenha aberto, clique aqui para abrir novamente